Cavemos a Terra, Plantemos Nossa Árvore

Cavemos a terra, plantemos nossa árvore,
Que amiga e bondosa ela aqui nos será!
Um dia, ao voltarmos pedindo-lhe abrigo,
ou flores, ou frutos, ou sombras dará!

O céu generoso nos regue esta planta;
o Sol de dezembro lhe dê seu calor;
a terra, que é boa, lhe firme as raízes
e tenham as folhas frescuras e verdor!

Plantemos nossa árvore, que a árvore amiga
seus ramos frondosos aqui abrirá,
Um dia, ao voltarmos, em busca de flores,
com as flores, bons frutos e sombra dará

O céu generoso nos regue esta planta;
o Sol de dezembro lhe dê seu calor;
a terra, que é boa, lhe firme as raízes
e tenham as folhas frescuras e verdor!

Arnaldo Barreto

38 Responses to “Cavemos a Terra, Plantemos Nossa Árvore”

  1. Ademir Angelo

    Esta belissima poesia foi musicada, ou é a letra de uma música, outrora muito cantada nas escolas primárias, para homenagear o dia da árvvore. Gostaria muito de saber se ela foi gravada em alguma época por algum cantor ou cantora.
    Grato. Ademir

    Responder
    • Rozario Azevedo

      Olá, Ademir.
      Tenho essa mesma duvida. Era cantada sim. Minha mãe cantava pra mim quando criança e dizia que havia aprendido quando criança também. A infância de minha mãe foi no interior de Pernambuco. Quem achar primeiro, avisa! Rs

      Responder
    • alair soares macedo

      lembro bem a 65 anos passado nessa data, no colégio, plantando uma muda de árvore e os amiguinhos entoando o canto da árvore…muita emoção!!

      Responder
  2. Maria Sousa

    Olá Ademir,
    não tenho conhecimento se este poema foi “cantado” por algum artista. Talvez fazendo uma pesquisa na net ou biblioteca pelo nome Arnaldo Barreto obtenha mais informações.
    Obrigado pela visita e lamento não ter esclarecido a sua dúvida.

    Responder
  3. Maria Sousa

    Olá Elias,
    Lamento não poder ser útil, mas não tenho esta partitura nem sei informá-lo onde a obter. Talvez fazendo uma pesquisa na internet ou biblioteca através do nome do autor: Arnaldo Barreto.
    Obrigado pela visita.

    Responder
  4. Malu Schneider

    Gosto muito deste Hino à Árvore. Assim foi me ensinado, na escola primária, nos anos 60. Obrigada por publicar a letra. Vou cantar novamente.
    Bjs.

    Responder
  5. Bene

    Que lindo este hino, eu cantava na escola no dia 21/09 (Dia da Árvore) nos anos 60, lá em Coronel Macedo (SP), sudeste paulista. (Grupo Escolar), hoje Escola Estadual de 1º e 2º grau “Antonio Tonon” Que saudade!!!!!Adorei achar esta letra, pois eu só lembrava da primeira estrofe…só sei a melodia, pena que não tenho a partitura.

    valeu Maria!

    Responder
  6. Adriana Pimentel

    A anos busco a referência desta linda poesia que aprendi em minha escola quando criança. Achei interessantíssimo encontrar essa poesia em site português. Sou do interior do Brasil pesquisando na internet descobri que ela é de autoria do brasileiro: Arnaldo de Oliveira Barreto (Campinas, SP 1869 — SP, SP 1925) Professor, educador, escritor, poeta, pedagogo.
    Referência do sitehttp://peregrinacultural.wordpress.com/2009/09/18/festa-das-arvores-poema-infantil-de-arnaldo-barreto-para-o-dia-da-arvore/.

    Responder
  7. Maria Sousa

    Obrigado Malu, Bene e Adriana pela visita e respectivo comentário.
    Foi uma alegria saber que esta bela poesia está repleta de bons sentimentos/recordações!

    Responder
  8. Clovis Bertoncini

    Há muito tempo eu procurei a letra desta poesia.Eu sei cantar a música,mas não sei cifrá-la.Vou cantá-la pra algum músico e procurar uma maneira de pô-la na internet.Se conseguir…creio que serei útil a um grande grupo de saudosistas das belas canções cantadas em grupos de “orfeões”nas escloas dos anos 50.Até breve amigos.

    Responder
  9. Maria Sousa

    Clovis, obrigada pela visita e comentário.
    Caso consiga musicar esta poesia e colocar na internet, por favor, ponha nesta página também. Vai ser uma alegria ouvir cantar este “hino”!

    Responder
  10. Mariza Tâmbalo

    Lindo Hino às Árvores, me fez lembrar com carinho da minha amada escola primária nos anos de 66 à 69. Sempre cantarolo essa canção-poema. Hoje ninguém mais canta, que pena!!!! As árvores são bençãos e descansam nossas vistas.

    Responder
  11. Felipe Luiz Gomes e

    Eu cantava esse música no primário em Recife, no dia da árvore. Cada aluno levava um fruta e havia uma bela salada. Uma árvore era plantada e regada. A música eu esqueci, gostaria de ouvir. Vou pesquisar. Felipe Gomes.

    Responder
    • Graça Ferreira

      Entrei no site para tentar encontrar esta poesia musicada. Vou trabalhar com ela justamente no dia 21 de setembro em um projeto com crianças de uma comunidade. Faremos uma horta e tudo mais. Eu cantava esta música na minha infância, nas escolas em que estudei. Ainda hoje lembro-me da música. Depois de formada, cheguei a cantar com os meus alunos. Vou tentar gravá-la e reproduzi-la aqui, com muito carinho. Algo muito importante nos unindo neste momento…
      Grande abraço,
      Graça Ferreira

      Responder
  12. Maria da Coneceção

    Finalmente achei a letra desta música que a muito procurava. Todos os anos na escola que estudei plantavam-se uma muda de árvore e as alunas em volta cantava em homenagem ao dia da árvore. Lembro-me da música, mas alguns trechos não me recordo bem. Gostaria de saber um site que disponibiliza a música.

    Responder
  13. Jose Ferlucio Soares

    Há muitos anos, lá na minha terra, Barbalha-CE, no Grupo Escolar Martiniano de Alencar, junto com meus coleguinhas e minha professora D.Zila Couto, todos os anos, nesta data, plantavamos uma arvore que , no dia seguinte, era destruída quando começa o jogo de futebol; mas, na ocasião , no momento em que a diretora (não lembro o nome) fazia o plantio, nós cantávamos a canção da arvore;esta lembrança não me sai da memória.Agora fiquei triste.

    Responder
  14. Jose Ferlucio Soares

    Gostaria de acrescentar que o verso que cantávamos era: “Que o sol de setembro lhe dê seu calor”.

    Responder
  15. Leonora Gasparino

    Saudade da minha infância… Também cantava essa música na escola primária, na década de 80, na Escola Estadual João Augusto de Melo, em Ribeirão Preto – SP. Saudades da minha segunda mãe, professora Aparecida Canhas da Silva, que meu deu muitos ensinamentos que carrego comigo. Também plantávamos uma árvore e sabíamos dar valor em gestos que nos tornaram hoje uma geração humana e sensível, mas infelizmente contaminada por brotos que nem sabem que se comemora coisas tão maravilhosas como as bençãos da natureza que Deus nos deu.

    Responder
  16. Lúcia F. Andrade

    Finalmente encontrei esta maravilhosa e magnífica música sobre a Árvore. Passei anos tentando encontrá-la. Aprendi na escola primária quando tínhamos caderno de hino.Cada data comemorativa um hino. Saudades!!!!!!!!!!

    Responder
  17. Bila Vidal

    No grupo Escolar Dinarte Ribeiro, em Caçapava do Sul – RS, a professora Diva Pires já ensinava esta música como “Hino à árvore”, nos anos 40.

    Responder
  18. Getulio e Jorgete

    Compartilhamos com todos vocês esse saudosismo do lindo poema de Arnaldo Barreto. Como todos também cantávamos no dia da árvore em comemorações . Se alguém conseguir a cifra da música ficaremos muito agradecidos. Somos amigos da natureza. Trabalhamos com crianças e gostaríamos de passar pra elas o encanto a beleza e a emoção que sentimos quando, lá no jardim da infância, plantávamos uma árvore cantando essa canção…que gostoso!! Que saudade!!! Obrigado a todos. Getulio

    Responder
  19. silvio lima

    Saudades… saudades… cantamos muitas vezes esta música na Escola Estadual Tiradentes, Professora Tieta, em Jacobina-Ba, onde estudei em 1953/55, durante os festejos da primavera. A escola desfilava no dia 21 de setembro, fazia horas de arte
    com canções e poesias próprias à ocasião. Não cantávamos “sol de dezembro”, mas, “sol de setembro”. Conheço e canto bem a melodia porém não tenho partitura, É fácil produzir uma.

    Responder
  20. Águeda ferrari

    Minha mãe era professora primária e costumava recitar versos e poemas , a canção da árvore aprendi com ela e depois no primário, cantav-se também , conheço a melodia. Fiquei feliz por perceber a quantas pessoas foi agradável essa memória. Certamente em virtude deste ensinamento , cresci ,plantei e hoje não só tenho flores e frutos , mas a sombra benfazeja. Obrigada aos amigos .

    Responder
  21. Paulo Roberto de Almeida

    No meu tempo de escola (1956 a 1960) em Macucos Estado de São Paulo, na Escola José Pimenta de Pádua, nos então alunos, já aprendíamos a cantar esta música e, fazia parte do currículo escolar.
    Tinha:
    Hino à Bandeira;
    Hino do Exército etc….!
    Hoje em dia……..!
    Hummmmm

    Responder
  22. maria helena hoelse

    Cantava esse hino maravilhoso na escola primaria nos anos 70. Agora comecei a pesquisar as cifras. pra tocar e cantar com as crianças da escola de lumiar em nova Friburgo , estou encantada, esse hino é uma luz.

    Responder
  23. José Francisco de Souza

    Quando fui aluno nos anos 60 e 70 na Escola “General Osório” em Três Barras (SC) sempre cantávamos o Hino à árvore, no dia 21 de setembro.Sabíamos os cantos na ponta da língua.Haviam outras canções que deixaram saudades: Brasil, terra de graça e singeleza.E também aqueles hinos cantados nos dias de encerramento do ano:Adeus escola mui breve, Adeus escola querida, Adeus escola já vou partir.Infelizmente hoje, o consumismo fez desaparecer muitas coisas bonitas que haviam no ambiente escolar.

    Responder
  24. Graça Ferreira

    Boa tarde! Entrei no site a procura da música desta bela poesia. Também a cantei muito em minha infância, nas escolas em que estudei. Quando formada professora, cantei com meus alunos. Boas lembranças! Estou participando de um projeto e, dia 21 de setembro, plantaremos hortas, faremos reflexões sobre nosso meio ambiente com crianças de uma comunidade em Jaboatão dos Guararapes, PE. Lembro-me da música e tentarei gravá-la. Muito bom ler essas recordações de todos aqui. belas lembranças nos aproximaram nesse momento. Meu abraço fraterno!

    Responder
  25. Vera Maria Del Bone Nunes

    Tenho muita saudade e boas lembranças de meu primário em Marília SP, foi quando aprendi essa canção que canto sempre , ela e o fato de ter tido a honra de plantar uma árvore no pátio da escola , fizeram crescer em meu amago o respeito e amor pelas árvores. Que bom ler o depoimento de muitos que como eu sentem o mesmo.Obrigada!!

    Responder
  26. Isabel Cristina gachet faber

    Hoje domingo de baixo de meu pé de ype, minha mãe Isabel Bertagnoli Gachet de 82 anos cantou essa belíssima canção ela aprendeu no grupo escolar Fazenda Cillos entre Americana E Santa Bárbara do Oeste. SP Viva o dia da árvore.

    Responder
  27. Izete Alves Assis

    Eu cantava o hino nos anos 70 quando estudava na Fundação Helena Antipoff
    no município de Ibirité/MG e plantava árvores. Hoje apesar de morar perto da escola não sei se estas árvores estão de pé.

    Responder
  28. Conceição

    Hoje voltei ao passado através desse poema, que nós crianças do primário, em 1954 plantava mudas de arvores, cantando esses versos oh saudades !!!!

    Responder
  29. Nilcéa

    Quantos comentários lindos sobre o hino a árvore!Nesta semana mesmo falei sobre esse mesmo hino…interessante achei que faz parte da infância de muitos.Sei cantar também.Na letra lembro que possuía algumas diferenças,poucas…ex.se um dia voltarmos pedindo-lhe abrigo ou flores,ou frutos ,ou sombra dará.

    Responder
  30. José Mauricio de Ávila

    Sempre cantávamos esse Hino no Dia da Árvore, no Grupo Escolar em Colina – SP nos anos de 1943, 44, 45 1 46.l Quero corrigir a letra. O correto é ¨Que o sol de Setembro lhe dê seu calor ¨. Não é DEZEMBRO.
    S.P out/ 2.016.

    Responder

Deixar uma resposta

Mantenha-se no tópico, seja simpático e escreva em português correcto. É permitido algum HTML básico. O seu e-mail não será publicado.

Subscreva este feed de comentários via RSS